Escolha uma Página

O Partido Comunista do Brasil no Distrito Federal (PCdoB-DF) lançou seis candidatos e candidatas para a Câmara Federal e 18 para a Câmara Legistativa durante Convenção realizada dia 29. O encontro também autorizou a Comissão Executiva a estabelecer coligações proporcionais e majoritárias. “Pretendemos eleger nossos parlamentares e atuar para ultrapassar a cláusula de barreira e forjar a unidade progressista no Distrito Federal”, anunciou o presidente da agremiação, Augusto Madeira.

Durante o ato político que encerrou o encontro, Flauzino Antunes, do Partido Pátria Livre (PPL), saudou a iniciativa de os partidos “enfrentarem juntos o governo golpista e os inimigos do povo”. Peniel Pacheco, do Partido Democrático dos Trabalhadores (PDT), celebrou “as candidaturas comunistas. O Brasil, com Temer, está em marcha a ré e nossa unidade é importante para enfrentar essa situação”. Tiago Coelho, do Partido Socialista Brasileiro (PSB), destacou que “o PCdoB sempre soube fazer crítica construtiva ao governo do Distrito Federal”. Érika Kokay, do Partido dos Trabalhadores (PT), afirmou que “o PCdoB mantém a coerência dos que defendem um país soberano e socialmente justo”. O deputado distrital Wasny Nakle de Roure (PT) considerou que o “PCdoB é um partido que faz a diferença para o povo brasileiro”.

A ex-senadora e ex-ministra da Mulher do Governo Lula, Emília Fernandes, dirigente do PCdoB-DF, conclamou a militância a “resgatar o amor, a esperança, a vida e a cidadania neste processo eleitoral”. Volnei Garrafa, professor da Universidade de Brasília (UnB) e dirigente comunista, lembrou que “o Partido Comunista vem do comum, do comunitário, da base. É pequeno, mas com uma hitória, um orgulho e uma contribuição muito grandes para o Brasil”.

A presidenta do PCdoB, Luciana Santos, deputada federal por Pernambuco, enviou mensagem afirmando que a convenção é “um momento precioso de discussão política do nosso Partido para enfrentar os grandes desafios que se colocam para a organização revolucionária dos comunistas no centro político do país. Brasília e o Distrito Federal acolheram ao longo destes últimos anos mais de 58 anos milhões de brasileiros de todos os rincões deste gigante que é o Brasil. Há apenas alguns anos foi que as estatísticas constataram haver mais de 50% de pessoas nascidas no DF compondo sua população”.
Em seguida todos os candidatos se apresentaram e expressaram suas propostas para o Distrito Federal e o Brasil.

Encerrado o encontro, houve o Forró da Manuela, candidata do PCdoB à Presidência da República, com um show do cantor Jairo Mendonça, candidato a deputado distrital pelo Partido.